A mãe de um poeta das canções e das melodias

10 maio 2013,   By ,   0 Comments

402

Em 12 de maio, Dia das Mães, não poderíamos deixar de lembrar de Dona Nilza, mãe de Tom Jobim, o homenageado desta 24ª edição. O maestro dizia que sua mãe era uma pessoa bem humorada e, por vezes,engraçada.

Contava que, certa vez, transitava com ela de bonde, pelas ruas do Rio. Sentado, começou a mexer com os pés até que, de repente, um de seus sapatos soltou-se e caiu. Ele levantou e, com seu jeito contemplativo, olhava o sapato na rua, cada vez mais distante do bonde.

Vendo o desassossego do filho, ao explicar-lhe o que ocorrera, ela abaixou-se, tirou o outro sapato do pequeno Tom, lançando-o fora. Ele retornou: “Mãe, por que fez isso?”.

E ela respondeu, com a sabedoria inerente às mães: “Ora, meu filho, quem encontrar um, encontrará o outro de poderá usar”.

O Brasil e o mundo são muito gratos a Dona Nilza e Jorge Jobim, que conceberam essa figura tão especial para nossa música!

 Na foto, Antônio Carlos Jobim, abraçado à mãe, Nilza Brasileiro de Almeida, aos três meses de idade.

 

Fotos: Instituto Tom Jobim