Ney Matogrosso: o desafio das releituras

04 junho 2012,   By ,   0 Comments

“O João, além de ser um compositor maravilhoso, é um instrumentista que, sozinho com o violão, faz a festa”, diz Ney Matogrosso sobre Bosco. Ele, que cantará “O cavaleiro e os moinhos” no Prêmio da Música Brasileira, já gravou, de Bosco, “Corsário”. Ney conta como a música chegou às suas mãos.

Ele também falou sobre cantar “O cavaleiro e os moinhos”. E revelou a dificuldade de cantar músicas imortalizadas pela Elis Regina. “É complicado cantar músicas que Elis gravou. (…) Eu achava que iam me comparar a ela, e eu perderia.”, disse. E falou sobre o desafio de fazer novas versões.

Veja a entrevista a seguir: