Reunião do PMB: João Bosco e bom papo

23 março 2012,   By ,   0 Comments

Nesta semana, João Bosco esteve no escritório do Prêmio da Música Brasileira para conversar sobre a homenagem e também sobre a comemoração dos 40 anos de carreira. Mas reunião com João Bosco sempre acaba em bom papo.  A conversa era sobre Aldir Blanc. João falava como o parceiro era certeiro ao definí-lo. Dia desses, por exemplo, conversavam ao telefone. João divagava. Aldir esperou que ele concluísse sua filosofia e respondeu: “Então, você não quer ir para o céu, mas já não vive no chão. E eu já escrevi isso!”

E é a letra de  “Sonho de caramujo: “Cumpri o astral de caramujo musical/Hoje eu gripo ou canto/Não vou pro céu, mas já não vivo no chão/Eu moro dentro da casca do meu violão”, diz a letra, que batizou até o disco de João, “Não vou pro céu, mas já não vivo no chão”. “Depois de mais de 40 anos de carreira e centenas de músicas compostas com Aldir Blanc, finalmente uma das maiores duplas da história da música brasileira gerou a canção que retrata João Bosco à perfeição”, já escreveu jornalista e crítico musical Hugo Suckman.

Mas chega de papo! O bom mesmo é assistir o João contado a história durante a reunião. Veja aqui!